Day-by-day

baby

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

O tempo passa a voar...

...e eu nem tenho tempo de actualizar o blog. É claro que o nosso Joãosinho está bem, crescido e de boa saúde. Ao fim de quase dois meses já começa a interagir com os papás, sorrindo e balbuciando. Os papás por outro lado estão cada vez mais patarecos. É vê-los a imitarem o João com guuhh, baahh e muita gargalhada à mistura. Acho que por este andar, em vez de ser o João a aprender a falar são os pais a desaprender :).

Na última consulta, a pediatra voltou a ficar espantada com o crescimento do João e nem se acreditava que ele só bebia leitinho da mãe. Disse que era um leite precioso e que deveria começar a guardá-lo, para o caso de ser necessário mais tarde. Lá fui eu comprar uma bomba de retirar leite e só por curiosidade decidi dar um biberão ao João, para saber quanto é que ele estava a beber. Bem, dei-lhe 150ml e depois ainda teve que ir à mama mais uns minutos porque não estava satisfeito... é mesmo comilão. Resultado, ele já engordou quase 2 Kg em mês e meio e saltou do percentil 75 para o percentil 90. Não tarda nada anda metido em dietas :).


domingo, 21 de setembro de 2008

Parabéns Pai Pê...

...por mais uma volta completa ao sol, e já vão 26! Não sei se te sentes mais velho, mas pelo menos, mais rico estás. Neste último ano foram só desafios e mudanças e em todos saíste a ganhar. Que este novo ano seja ainda mais positivo, quanto mais não seja eu vou arranjar maneira de te fazer sorrir muitas vezes.

Beijo grande

João

PS. a mãe também deixa muitos beijinhos de parabéns!

domingo, 7 de setembro de 2008

Um mês...

...faz o nosso Joãosinho! Apesar de ter passado a correr foi um mês estupendo, cheio de novidades e alegria. Acho que o sentimento é mesmo de felicidade. Não há um único dia desde que o João nasceu em que não sorria, o ambiente é muito contagiante, e todos que por cá passam saem daqui com um sorriso no rosto. Mesmo quando ele chora fico feliz por saber que sou eu a potencial salvadora daquele choro. Basta quando ele pára de chorar a olhar para a mãe e a fazer um beicinho delicioso, como quem diz "ai mãe, se não fosses tu..." ou aquele suspiro profundo de quem está muito magoado "porque é que demoraste tanto a pegar a mim?". É uma grande alegria ser mãe de um piolho tão lindo!

A evolução dele tem sido estupenda, já reconhece a mãe e o pai ao longe (pela voz), já lhe conseguimos arrancar uns sorrisos (com muita palhaçada à mistura, claro), já descobriu que consegue produzir sons (para além do choro), como "aargh" e "buuh" e sabe por a língua de fora :P. Tem muita força nas pernas e no pescoço e quando damos por nós já ele se virou para um lado ou para o outro. De barriga para baixo, ergue o pescoço até cima e começa a dar lanço com a perna e os braços para se voltar para cima. E consegue, o malandro! Já conheço os choros dele, de mimo, de dor, de fome. É de facto um ser inteligente, que de tão cedo consegue manipular as pessoas à volta dele com um simples berro. Tem uma característica muito particular, sempre que começa a chorar ou a ficar mais nervoso treme com lábio inferior, como se estivesse com frio.

Os seus hábitos diários continuam muito regulares. Dorme bem, em qualquer sitio com qualquer barulho, às escuras e à luz. Come ainda melhor e parece que nunca está satisfeito porque raramente arrota (mas também não vomita) e consegue estar algumas horas sem comer, desde que esteja a dormir. Assim que acorda a primeira coisa que faz é procurar a mama com o bico aberto como os passarinhos, e claro que se demorar mais que um minutito já temos choro. No banho é uma delicia, começa a chorar assim que lhe tiram a roupa, mas mal entra na água cala-se e começa a dar às pernas. Gosta mesmo de estar debaixo de água. Eu já tenho alguma dificuldade em lhe dar banho porque ele está pesadito e não é fácil segurar nele com uma mão com ele sempre a dar às pernas.

Hoje fizemos a nossa primeira grande viagem e fomos festejar um mês de vida a Amarante a casa dos tios e padrinho. O João apanhou muito ar fresco, dormiu ao ar livre enquanto os pais se deliciavam ao sol e davam uns mergulhos na piscina. Espero que para o ano ele já possa ir connosco para dentro de água :). Ficam as fotos!



quarta-feira, 3 de setembro de 2008

A crescer...

...a olhos vistos, literalmente. O João está enorme. As roupas vão ficando apertadas e as maiores vão ficando à justa. Até as fraldas já subiram de número. Hoje fomos conhecer a médica de família e lá voltamos a tirar novas medidas. Assim, temos:

Nascimento (07/08/2008)
peso = 3900gr
comprimento = 51 cm
perímetro cefálico = 37.5 cm

19 dias (26/08/2008)
peso = 4500gr
comprimento = 54 cm
perímetro cefálico = 39.5 cm

27 dias (03/09/2008)
peso = 4810gr
comprimento = 54.5 cm
perímetro cefálico = 40 cm

E acho que ainda lhe roubaram no comprimento porque ele não parava quieto :). Está basicamente tudo no percentil 75 e por isso a maminha é para continuar a dar sempre que ele pedir.
As primeiras vacinas também já foram dadas. Ele portou-se muito bem e só chorou um bocadinho. Tinha receio que ele ficasse doentito, com febre ou mal humorado, mas não, ainda dormiu melhor nessa noite. Ele sem dúvida que sai à mãe no feitio. Não tem medo de ir ao médico, nem de apanhar umas picas e gosta de dar umas voltas de carro (mal se senta na cadeira adormece logo!).
Quanto às diferenças fotográficas, deixo para tirarem as vossas ilações ;)

À esquerda dia 07/08, à direita dia 01/09